como já dizia Belchior

em fevereiro de 2020, estive em São Paulo para lançar os livros KARAOKÊ & JUKEBOX (Garupa/BR75); a poeta e artista sonora Jeanne Callegari foi uma das convidadas a performar no lançamento. poucos dias depois, ainda em São Paulo, musiquei o poema “dead (men) walking”, do também recém-lançado livro de Jeanne, Amor eterno 2 (Garupa/Pitomba). batizada “como já dizia Belchior”, a canção foi publicada na série beijos possíveis – de canções gravadas em casa e para ouvir em casa, durante a quarentena mundial.

como já dizia Belchior
[Dimitri BR + Jeanne Callegari]

tenho mil opiniões, teorias
um pouco de fome
e muita confusão
tenho um bife velho, frio
as cinzas da república
sobre a televisão

tenho seriados e analogias
nenhuma explicação
ventas de fogo, fobias
paranoia e mistificação

um pássaro carniceiro
voa sobre o portão
a hora pedindo calma
o minuto dizendo não

um pássaro carniceiro
voa sobre o portão
a hora pedindo calma
o minuto dizendo


voltar para canções